Localizado no topo de um cabeço isolado do rebordo ocidental do planalto da Guarda, a 920m de altitude, o Castro do Tintinolho é um dos mais emblemáticos sítios históricos do Concelho. Local privilegiado de contemplação, de silêncio e de evocação histórica, onde a natureza exibe o seu esplendor agreste, este sítio proporciona uma das plataformas mais privilegiadas para a observação do Vale do Mondego, desde as serranias que vigiam a aldeia de Vila Soeiro, a montante, até às terras de Celorico da Beira, Trancoso e Pinhel.

Escavações arqueológicas recentes neste povoado denunciam uma ampla diacronia de ocupação do sítio. A mais antiga remontará à Idade do Ferro, tendo sido igualmente ocupado em época romana, e durante a Alta Idade Média.